Universo Cultural

Filmes, livros, produções e eventos: divulgando e comentando cultura!!

Em defesa do SESC

Sou frequentador do SESC a exatos 29 anos, ou seja, desde que a Unidade de Piracicaba, cidade onde resido, foi aberta e hoje sou funcionário da instituição. Todo esse tempo de frequência me fez entender a importância que todo o sistema “S” (SESC, SESI, SENAI e SENAC), e o SESC em especial, tem nas cidades onde instalou suas unidades.

Além de importantes centros de lazer, as unidades do SESC têm um rol de atividades a preços acessíveis que permitem às pessoas do comércio, seus dependentes e demais usuários, terem acesso à cultura com preços imcomparáveis com o “mercado” . O SESC também transformou-se em uma “chancela” de qualidade de atividades nas áres do Teatro, Música, Cinema e outras.

Em uma visão equivocada do processo educacional, o governo federal enviou projeto de Lei que, se aprovado, reduzirá a 1/3 o repasse de verbas de repasse que sustentam as atividades do SESC e demais instituições do Sistema “S”, em nome de um “Fundo de Educação Técnica” , que reduz o aprendizado apenas à escolaridadeformal, sem considerar que a promoção da cultura é um dos meios mais eficientes para que a formação se complete.

Reproduzo abaixo a carta do diretor regional do SESC/SP, explicando a questão.Convido aos que quiserem e puderem que assinem a petição eletrônica no endereço http://www.sescsp.org.br no íncone “Apoio ao SESC”. Penhoradamente, agradeço!

Carta aberta ao público freqüentador do SESC

Queremos compartilhar com todos vocês o risco ao qual o SESC está exposto neste momento. O governo federal pretende enviar ao Congresso Nacional projeto de lei que retira pelo menos 33% dos recursos do SESC para a criação de mais um fundo de financiamento de programas de formação profissional. Diante desse risco, é nosso dever expor à sociedade brasileira o valor e a importância desta instituição criada, mantida e administrada com recursos privados, provenientes de contribuição compulsória das empresas do comércio de bens e serviços surgida nos anos 40 por proposta voluntária do empresariado.

Esta definição tem amparo na lei e na Constituição Brasileira (art. 240). O SESC promove a educação permanente por meio de suas ações culturais, socioambientais, esportivas, de promoção da saúde e da cidadania, das atividades de lazer e de sociabilização, voltadas prioritariamente às pessoas de menor renda. A melhor maneira de conferir o significado dessa ação é vivenciar o dia-a-dia.nos centros culturais e desportivos. Ouvir o relato dos freqüentadores sobre a importância do SESC em suas vidas e para suas famílias.

Utilizar os equipamentos e instalações de primeira qualidade, abertos a todos os estratos sociais, e participar das inúmeras atividades que abrangem um amplo arco de interesses e necessidades, reunindo um público extremamente diversificado. Acreditamos que todos vocês já tiveram essa oportunidade. São, portanto, testemunhas da natureza beneficamente eficaz, engajadamente eficiente e profundamente educativa do trabalho que o SESC desenvolve há 61 anos.

Esse patrimônio não pode ser sacrificado em favor de prioridades transitórias, em nome das quais se destruiria um trabalho consolidado em mais de seis décadas de atuação, causando um prejuízo incalculável ao desenvolvimento do país. A educação profissional é importante. Mas se dissociada de uma ação voltada ao desenvolvimento integral do indivíduo, torna-se meramente utilitarista, o que levaria a um evidente retrocesso, fruto de uma visão obscurantista e flagrantemente retrógrada.

Diante da gravidade dessa situação, que propõe a retirada de substanciais recursos dos programas socioeducativos do SESC, convidamos a todos para que se manifestem, pelos meios ao seu alcance, em prol da continuidade de nosso trabalho. Um projeto que, afinal, é uma conquista da sociedade brasileira.

Danilo Miranda, Diretor Regional do SESCSP

maio 28, 2008 Posted by | Manifesto | , | Deixe um comentário